quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

Tá fora o vai pedir arrego?

Vereador governista teve nas ultimas horas os seus cargos de confiança exonerados do quadro de colaboradores da Prefeitura Municipal.  Aparentemente a gota de agua que estourou o relacionamento teria sido as duras declarações a uma emissora de radio local em que o referido vereador acusou o prefeito de estar fazendo “fumaça” para desviar a atenção da população a problemas maiores.


Vale a pena conferir o tom dos discursos na próxima sessão da Câmara de Vereadores para saber da gravidade do assunto. 

quinta-feira, 5 de novembro de 2015

Quer entrar na política? A hora é esta.

Para quem está contemplando a ideia de entrar na política, e concorrer a um cargo, este é um momento adequado. Faltando nove meses para o começo da campanha para as eleições municipais, há tempo suficiente para começar a organizar a sua campanha.

Durante 2015, os partidos estarão em busca de candidatos para formar uma lista expressiva de candidatos a vereador com a qual possam acumular votos na sua legenda.
É óbvio que, em se tratando de uma eleição municipal, os cargos em disputa são para prefeito, vice-prefeito e vereador. Para quem pretende entrar na política o cargo para o qual haverá mais espaços abertos nos partidos é o de vereador.

Vereador é o começo da carreira para a grande maioria dos políticos.

A política lida com um valor que é muito cobiçado: o poder.



No interior do mundo político encontram-se os poderosos, pontos focais das atenções, dos agrados, da bajulação, da busca de acesso e proximidade, tanto pela capacidade de usar seu poder para gratificar, escolher, promover, prestigiar, como para prejudicar, perseguir, punir, excluir. Para a maioria das pessoas — em todos os tempos e lugares —, a bajulação, o elogio, a adulação são considerados o caminho mais curto e seguro para chegar ao coração do poderoso.


Texto: Francisco Ferraz

terça-feira, 3 de novembro de 2015

O que é interdição e para que serve?

Através da “ação de interdição” uma pessoa será declarada incapaz para os atos da vida civil, ou pelas suas obras, sendo nomeado um curador para auxiliá-lo. O que significa ser incapaz? Quais são os atos da vida civil? E o que fará o curador?


Se a interdição se der em seu local de trabalho, significa que você não estaria capacitado para desempenhar tal função? E se o curador for o seu superior, significa que não confia mais no seu trabalho? 

quarta-feira, 28 de outubro de 2015

Escola Solidária foi apresentada como modelo para as Câmaras do Estado.

A apresentação aconteceu no Painel IV com o tema A ESCOLA SOLIDÁRIA -SINOPSE: Planejamento. Programação. Inserção Social. Ação da Mulher Vereadora. Um Paradigma que já deu certo. O Modelo de Quaraí.

A apresentação, em uma moderna plataforma, foi desenvolvida pela SIM Propaganda e apresentou slides que contavam desde a sua criação, através de um projeto de resolução, até os cursos desenvolvidos e suas conquistas.

Dentro do seu planejamento a Escola Solidária apresentará em novembro o Curso “Costurando um Futuro Sustentável”, que contará com reaproveitamento em couro e investimento da iniciativa privada. Os participantes irão realizar o treinamento nas máquinas que irão manobrar no seu novo emprego, com aproveitamento previsto de 50%.  



Obrigado pela confiança e sucesso neste novo momento da Escola Solidária do Poder Legislativo que começa definitivamente a criar novas fontes de emprego. 

terça-feira, 13 de outubro de 2015

Norma de segurança e desrespeitada na Câmara de Vereadores.

A Câmara de Vereadores de Quaraí, não obedece às normas de segurança exigidas pelo Corpo de Bombeiros para obter o certificado de vistoria necessário para conseguir o alvará de funcionamento emitido pela prefeitura.
A falta de extintores e saídas de emergência chama a atenção, até porque após o incidente na Boate Kiss e aprovação da nova lei até as Casas Tradicionalistas (Piquetes), mas pequenos da cidade tiveram que se adaptarem as novas exigências e sofreram com a interdição enquanto ela não acontecia.
A estrutura do prédio e antiga e deve de necessitar um estudo técnico aprofundado, o que não deve e colocar em risco centenas de vidas ante a possibilidade de um incidente.

Imagine terem que sair às pressas pelas únicas portas de vidro existentes?